Nobel de Química 2019 vai para trio que desenvolveu baterias usadas em celulares e carros elétricos

Post 1

 

O americano John B. Goodenough, o britânico-americano M. Stanley Whittingham e o japonês Akira Yoshino são os vencedores do Prêmio Nobel 2019 de Química pelo desenvolvimento de baterias de íons de lítio, hoje usadas em celulares, notebooks e carros elétricos. A descoberta foi feita no começo da década de 70.

"Os laureados lançaram as bases de uma sociedade sem fio e livre de combustíveis fósseis", avaliou o comitê do Nobel ao anunciar o prêmio no Twitter.

"Ganhamos acesso a uma revolução técnica", afirmou Sara Snogerup Linse, membro do comitê e professora de fisicoquímica na Universidade de Lund, na Suécia.

A Academia sueca anunciou nesta quarta-feira (9) que os cientistas, que trabalharam separadamente, vão dividir de forma igualitária o prêmio de 9 milhões de coroas suecas, equivalente a cerca de R$ 3,72 milhões.

Leia na íntegra: clique aqui

 

Fonte: https://g1.globo.com

Últimas novidades